26 de março de 2016

Resenha Premiada: Diário de Busca, dos escritores W-Souza

Olá, meus amores. Tudo bem com vocês?

A resenha de hoje é sobre o livro Diário de Busca dos escritores W-Souza. Foi um livro que me surpreendeu bastante e que eu fiquei bastante contente. Vamos a resenha?


Informações:

Título: Diário de Busca
Autores: W-Souza
Editora: Chiado Editora
Páginas: 342
Ano: 2015
Skoob: Adicione
Compre: Amazon (E-book) || Livraria Cultura (Físico)





Leopoldo Di Carlli é apenas uma criança quando o livro iniciasse. Viciado em leitura, sempre indo à biblioteca onde sua mãe trabalhava, em Roma. Assim descobriu um livro sobre arqueologia.

Após a morte do seu pai, o menino andava sempre calado, triste. O único momento que ele se dedicava a algo era quando estudava arqueologia e colecionava várias pedras. Só que quando a sua mãe viu a coleção do seu filho, achou que ele estava louco. Tentou de todas as formas fazer o filho parar com aquela loucura, para que ele esquecesse a arqueologia e se tornasse um padre. Porém, Leopoldo tentou de todas as formas esconder a sua paixão da sua mãe, mas não tinha jeito. Quando a sua mãe descobriu pela última vez, internou o filho em um colégio para crianças problemáticas, onde foi maltratado e passou os piores anos da sua vida.

Depois que saiu do internato, foi cumprir o destino que sua mãe queria para a sua vida... Ser padre. Seu objetivo era juntar o sonho da sua mãe e seu sonho de ser arqueólogo. Logo vemos uma das suas primeiras expedições em busca de descobertas. Não teve sucesso, mas não desistiu. Foi apenas o começo.
"O incansável explorador dá de ombros e não se deixa abater, tentando demonstrar maturidade e controle. Eval tinha razão, muito ainda estava por vir, aquilo era só o começo.
Aprendeu com sua mãe a ser persistente, a lutar pelo que acredita, e pensou: É como dizia um velho amigo - Para o obstinado, o tropeço é apenas um empurrão para seguir em frente.
Agradeceu, despediu-se, pegou a mochila, e virando a aba do boné para trás, gesto que fazia quando estava indignado, partiu, sorrindo apenas para a secretária.
Jamais desistiria, não era o perfil dos Di Carlli. Dali foi direto para a biblioteca preparar o material para uma próxima possível expedição."
Não demora muito e a mãe de Leopoldo morre. Ele acaba desiste de ser tornar padre e dedica seu tempo exclusivamente a arqueologia. E conta com a ajuda do seu amigo Eval, que conseguiu ajuda financeira para as pesquisas e que sempre esteva ao seu lado.

O Di Carlli se apaixonada pela secretária de Eval, que agora ajuda-o na sua pesquisa. E sim, ele foi correspondido. Logo, passaram a morar juntos e não demora muito para que tenham um filho...


Diário de Busca é um livro onde se passa toda a vida do Leopoldo Di Carlli e mais um pouco. Talvez, por achar que o livro se passou muito rápido, não me prendeu no início. Tudo era um pouco corrido, e senti falta de alguns detalhes. Esse foi um dos pontos negativos do livro. Eu não ligaria se fosse maior ou até uma duologia, desde que as expedições, por exemplo, fossem mais detalhadas.

Do meio do livro para o fim, eu grudei e não larguei até finaliza-lo. A história se torna mais lenta, com algumas partes mais rápidas, mas você quer descobrir algumas informações e fica bastante ansioso. O livro se torna bastante prazeroso e acredite, me surpreendi bastante com o final, no qual eu não imaginei. Os autores finalizaram a história incrivelmente bem e não imagino um final melhor.
Sobre os personagens eu me apeguei muito ao neto de Leopoldo, Antony. Acho que foi um dos melhores personagens do livro assim como Leopoldo. Sua história é cheia de altos e baixos e mostra ser um homem que, mesmo com diversas dificuldades, ergue a cabeça e segue em frente. Ligou com diversas mortes e soube se erguer e cuidar dos seus sonhos. Nunca desistiu por motivo nenhum.

A história, de um modo geral é muito bem desenvolvida. Os autores souberam escrever um livro diferente dos demais e com muita qualidade. Você sente prazer em ler Diário de Busca e curiosidade para desvendar todos os mistérios.
Sobre a escrita dos autores, eu gostei, mas achei alguns erros bobos na revisão, nada que me confundiu durante a leitura. As páginas são amareladas e com letras grandes e um dos pontos que eu gostei no livro, foi o fato de ter capítulos curtos.

Minha Nota:

A Wolnéia Souza disponibilizou um livro autografado para sorteio. Queria agradece-la pelos livros, o da resenha e o do sorteio. Fiquei imensamente feliz por isso.

Vamos as regras!

Regras:
1. Seguir o blog no Google Friend Connect (GFC).
2. Curta a página dos escritores W Souza.
3. Preencher o formulário corretamente.
4. Ter endereço de entrega para o Brasil.
5. Você tem 34 dias para participar do sorteio. Vocês podem participar até o dia 30 de abril, até as 12:00.
6. O ganhador terá 48 horas para responder o e-mail. Caso ele não responda, sortearemos de novo.
7. O livro será enviado para o ganhador em até 30 dias.

a Rafflecopter giveaway


E é isso, amores. Espero que tenham gostado da resenha e não deixem de participar do sorteio.
Um beijão e até mais!

12 comentários:

  1. Olá, tudo bem?
    Eu já tinha lido alguma coisa a respeito desse enredo e depois de ler seus comentário posso dizer que parece ser bem promissor. Desejo boa sorte aos participantes do sorteio, e claro, adorei sua resenha também. Muito legal ela ter disponibilizado para sorteio.
    Beijos, Fer

    ResponderExcluir
  2. Oi Carol, olha só, mais uma resenha sua que me deixa instigada com o livro. Eu ainda não conhecia esse livro e pelo que você falou dele, parece ser muito bom. Eu acho que ficaria muito triste com a história do Leopoldo no início, o sofrimento pela morte do pai e ainda por cima ser jogado internato. Fiquei muito curiosa com o livro e já estou participando do sorteio, vou torcer muito (não custa tenta kkk vai que ganho outro? kkkkk) boa sorte aos demais participantes também. Beijos

    ResponderExcluir
  3. Olá Carol,
    Confesso que, apenas de ler sua resenha, notei que o livro é bastante veloz no começo e isso pode desagradar mesmo muitos leitores. Mas, apesar disso, achei a trama bastante interessante e fiquei curiosa para saber o que acontece nesse final surpreendente.
    Participarei da promoção sim e torço para ganhar, quero saber o que acontece.
    Beijos,
    http://mileumdiasparaler.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Apenas uma pergunta sobre o sorteio, devo adicionar o autor no facebook?

      Excluir
  4. Apesar de acreditar que a trama seja interessante, não me senti atraída pela história, devido essa escrita mais ágil e rápida não sei se conseguiria me identificar com a história que de cara já não me chamou muita atenção. Vou deixar o sorteio para os que ficaram mais interessados e desejam ler o livro.

    Abçs
    Sou bibliófila

    ResponderExcluir
  5. Adorei sua resenha! O livro em si não me chamou taaanta atenção, confesso, mas gostei do fato de narrar toda a vida do personagem e sua resenha levantou pontos muito interessantes, portanto quero ler o livro! Já estou participando do sorteio :)
    Beijos!!
    http://umaleitoravoraz.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  6. Oie!!
    Amei a resenha, muito bem pontuada. Porém confesso que o livro não me chamou realmente muito atenção; Porém sei de amigos que iriam gostar muito desse enredo, por isso vou fazer a indicação da resenha e do sorteio ;)
    bjs

    ResponderExcluir
  7. Oi Carolina.

    Queremos parabenizá-la por sua imparcialidade e resenha bem escrita. Obrigada!

    Abraços.

    ResponderExcluir
  8. Adorei a premissa desse, e que capa legal, diferente e chamativa. Ah, vou participar do sorteio e ficar na torcida. Nunca consigo ganhar nada, mas vai que dessa vez eu dou sorte.


    ;D
    Profissão: Leitora

    ResponderExcluir
  9. CREDO, que mãe horrível! Ainda bem que você fala que ela morre, quando li isso logo depois de saber ela interna o filho porque ele amava arqueologia eu pensei "DEUS CARTIGA, MIGA!". Achou que vou ter que pesquisa mais sobre o livro, por enquanto eu acho que não leria, mas parece que tem muita coisa ainda nessa história, então quem sabe alguma dessas coisas não me atraia mais (?)

    Um Metro e Meio de Livros

    ResponderExcluir
  10. Oi!
    O livro parece transmitir uma mensagem sobre persistência, perseverança e paixão pelo que se faz e tudo o mais, mas no momento a premissa da obra não me atraiu :/ mas parece ser um livro que eu daria de presente para os meus pais então vou salvar o título da obra ^^
    Abraços,
    Andy - StarBooks

    ResponderExcluir

Obrigada por visitar o Delírios Literários da Snow. Não deixe de comentar e seguir o blog. Beijos :*

© Delírios Literários da Snow - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Beauty Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo