18 de setembro de 2015

Resenha: Perdido em Marte de Andy Weir

Olá meus amores! Tudo bem com vocês?

Hoje a resenha é do livro Perdido em Marte de Andy Weir, lançado aqui no Brasil pela Editora Arqueiro. Como eu já tinha escrito a minha primeira impressão sobre o livro, eu não vou falar aqui a sinopse, apenas o que eu achei. Para quem ainda não leu, é só clicar aqui.

Informações:

Autor: Andy Weir
Editora: Arqueiro
Páginas: 288
Ano: 2014
ISBN:  978-85-8041-336-6 





Bom, o livro de uma forma geral é bom. Eu gostei. E parece que o livro é só drama, mas quando você lê, é possível perceber que não é só isso. Mark Watney é um personagem super engraçado e eu admito que ri bastante.

A história em si também foi muito bem elaborada pelo autor. Eu gostei do jeito que o escritor pensou os personagens, pensou a história, os dramas, as surpresas do livro e também do fim. E eu adorei o personagem principal por conseguir ser tão criativo e engraçado ao mesmo tempo, mesmo estando sozinho em Marte.

Porém, o que me chateou no livro, foram as partes técnicas que estão presentes em quase todas as páginas. Toda vez que Mark ia fazer algo (Por exemplo: água), ele dizia todo o procedimento que teria que fazer e usava termos que eu não entendia, já que não são da minha área, e isso me deixou bastante cansada durante a leitura.

Além disso, antes de ler o livro, eu li a sinopse e tive a impressão que seria uma história de terror e drama. Sendo assim, eu fui esperando por isso e acabei me decepcionando um pouco, mesmo gostando do humor. Talvez isso também tenha me desmotivado um pouco.

Minha Nota:
 

Inicialmente eu queria dar 2,5, mas resolvi dar 3 porque eu gostei da história. E é isso amores, espero que tenham gostado. Admito que estou bem ansiosa para assistir ao filme. E vocês?


Um beijão e até mais :*

2 comentários:

  1. Eu estou super curiosa para ler esse livro, já li o primeiro capítulo e só atiçou minha vontade, eu vi esses termos técnicos que você sitou mas achei bem interessante o fato do autor colocar afinal o cara é um astronauta, também não tem ninguém para conversar então deva estar ficando piradinho mesmo e querendo falar tudo kkkkk pelo que vi ele usa tipo um diário, é isso mesmo? mas o que me mata de curiosidade é saber se ele sai de Marte ou morre lá!!! kkkkkk

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. kkkkkkkk' eu entendo, Bia! O problema é que eu não entendia nada o que ele falava kkkkk' Ai ficava viajando e não entendia nada kkk' Sim ^^ Ele relata quase todos os seus dias. O que acontece no fim é... Tandammmm... Só lendo para saber kkkkk'
      Beijos :*

      Excluir

Obrigada por visitar o Delírios Literários da Snow. Não deixe de comentar e seguir o blog. Beijos :*

© Delírios Literários da Snow - 2016. Todos os direitos reservados.
Criado por: Beauty Design.
Tecnologia do Blogger.
imagem-logo